23.5.09

Restless mind

Quando não há ninguém com quem falar, quando sinto que já não há ninguém que me entenda, quando sinto necessidade de me fazer ouvir... chegas tu. Com a maior imprevisibilidade possível e pões conversa. Nas entrelinhas leio que queres esquecer e começar de novo. Tento. Será desta vez? Cá dentro fica a dúvida daquilo que poderia ter sido e não foi, ou até mesmo do que temos guardado para dar e do tempo que perdemos em querer com que tudo seja melhor...

3 comentários:

Jojozinha disse...

nunca desistam de tentar :)
o q vos une e forte demais...

'stracciatella disse...

O imprevisível tem mais valor. :)

L. ♥ disse...

Espero que, ao contrário de mim, tenhas sempre coragem e força para continuar a tentar.

Quero-te sempre bem minha querida Jany. <3