25.6.09

O meu I.

Põe-te bom num instante para saíres desse hospital. Todos te esperam cá fora com um sorriso do tamanho do mundo, que transpira alegria e optimismo por quem tem a sorte de te encontrar. Fico perplexa e só consigo pensar em como a vida é injusta com os que menos merecem e com os que mais força e desejo de viver têm. Não merecias, não merecíamos. Tenho tanto orgulho em ti porque mesmo diante das dificuldades o teu brilho não desaparece e ainda dás coragem aos que te rodeiam. Partilhamos esta dor que logo te dará mais uma razão para te arragares à vida. O meu I. não desiste, o meu I. continua a sorrir perante as adversidades da vida, o meu I. não questiona, vai à luta. Eternamente, porque é esse o plano. Não havia outra forma de ser, certo? <3

4 comentários:

Ivan disse...

Eu prometo que me vou por bom por ti, por mim e por todos aqueles que realmente se preocupam comigo.
Estou aqui por uma razão, ainda não sei bem qual é, mas tudo tem uma razão de ser e nada acontece ao acaso. Espero que neste caso seja para ficar bom de vez, para seguir e conseguir ter uma vida normal, para deixar de preocupar e de influenciar a vida dos outros.
Não penses que a vida é injusta, pensa que há sempre alguém pior do que nós e eu pelo menos tenho a sorte de te ter, de vos ter a todos para me apoiar.
Tu sabes bem que não é isto que me vai deitar abaixo. Nunca deitou e não vai ser agora a primeira vez... sou mais forte do que aquilo que pensam e encaro isto com mais naturalidade do que vocês pensam também... é a força do hábito.
Sinto que estar aqui me vai ajudar em todos os sentidos, estou a ser super bem tratado, as pessoas realmente preocupam-se em descobrir as causas e em arranjar as soluções. Sei que daqui a uns dias vou sair daqui um novo Ivan, ou o velho Ivan como preferires :) Com aquele sorriso de volta e uma vontade de amar a vida!
A ti, só te tenho a agradecer o facto de seres a melhor namorada que se pode desejar, aquela que está sempre lá nos bons e maus momentos, e é isso que te dá valor. O facto de seres o ser humano mais especial que existe, sempre disposta a dar e sem exigires nada em troca quando sabes que nao tenho para te dar da forma como gostaria.

Obrigado, obrigado, obrigado.

Amo-te e nunca te vais ver livre de mim :D


PS: esperando ansiosamente pela visita da tarde de hoje :D


<3

Del_Cimetrado disse...

Quem lê Camus percebe que face a este absurdo que é viver, a este meio que jamais se vê justificado em algum fim, a esta eterna luta de Sífiso, breve centelha de algo que procede e antecede a morte, só nos resta a revolta.

Revolta contra a vida que apenas se vive para a morte, para o sofrimento. Enfim, revolta contra o absurdo.
E na Revolta, descobrimos que nesta luta contra a entropia natural das coisas, todos lutamos pelo mesmo. A fuição de uma felicidade que não vai chegar mas que enquanto objectivo a traçado chega para dar a esta existência radical um significado e um propósito.

"Strugle it self is enought to fill a man's heart."

T. disse...

As melhoras para o I.

Beijinho

Marta disse...

As melhoras, vai tudo correr bem! :)
Beijinho para os dois